Alimentos sem glúten – Quais as melhores opções?

Thumb Alimentos sem glúten – Quais as melhores opções?

Muitas pessoas têm alergias a determinados tipos e composições de alimentos, medicamentos e até de produtos de pele ou de limpeza da casa.

O fato é que o glúten (presente em vários alimentos), passou a ser mais um dos ingredientes que produzem certa intolerância em alguns tipos de organismos. Quais são eles?

Conheça

O glúten, é uma proteína encontrada em cereais, como o trigo, o centeio e a cevada. A maioria dos alimentos feitos com esses ingredientes, possuem essa composição.

Ele é responsável também por dar maciez, leveza e mais sabor aos alimentos que o compõem. Mas, muitas pessoas desenvolveram a chamada doença celíaca, onde o próprio organismo (o intestino e o sistema imunológico) combatem ao glúten no corpo.

Resultado disso, são os sintomas de diarreia, desconfortos abdominais, e inflamação nas paredes do intestino, onde o mesmo não consegue absorver as vitaminas e nutrientes necessários, em todas as outras refeições.

O dilema vivido pelos intolerantes ao glúten, é que ao irem a um restaurante, padaria ou confeitaria, por exemplo, são julgados e criticados.

Quando questionam os garçons e gerentes do lugar, sobre a possível presença do glúten nos alimentos, eles acabam pensando que estes querem emagrecer, e não que possuem a doença celíaca.

Os alimentos considerados sem glúten, vão desde as frutas, verduras e legumes em seu estado natural, sem nenhum tipo de conservantes, até produtos orgânicos, feitos especialmente sem glúten.

Para identificação da doença nas crianças, o ideal é que um Pediatra seja consultado, e se for adulto, um clínico geral para realizar os exames adequados para investigação da saúde do paciente.

Opções sem glúten

A lista de alimentos sem glúten, incluem:

-Frutas;

-Legumes;

-Verduras;

-Carnes e peixes;

-Farinhas: de arroz, mandioca, amêndoa, milho, feijão, ervilha, soja e inhame;

-Arroz, milho, araruta, amaranto, trigo sarraceno, quinoa;

-Amido de milho (a famosa maisena);

-Tapioca;

-Fécula de batata;

-Polenta;

-Sal, açúcar, chocolate em pó, cacau, gelatina;

-Óleos, azeites, manteigas e margarinas;

-Alguns medicamentos, também possuem glúten em sua composição;

Os intolerantes ao glúten, não podem comer biscoitos, bolachas, pães, bolos, torradas, massas, cerveja, pizza, salgados, cachorro quente, hambúrguer;

Gérmen de trigo, triguilho, queijos, ketchup, maionese, shoyu, salsichas, temperos industrializados ou prontos, cereais matinais, barrinha de cereais, xaropes, molho branco, sopas desidratadas e alimentos industrializados de qualquer natureza.

Para quem sofre com a doença celíaca, é preciso ir a um médico nutricionista, a fim de que ele monte um cardápio adequado para as necessidades energéticas diárias.

Os sintomas que podem aparecer, nos pacientes com a doença celíaca, são: gases em excesso na barriga, diarreia ou prisão de ventre, tonturas, cansaço, irritabilidade;

Enxaquecas, geralmente após as refeições, manchas vermelhas na pele, dor nos músculos e articulações, coceira na pele, intolerância à lactose e a fibromialgia.

Existem no mercado, diversas empresas e lojas especializadas já produzem alimentos e produtos para esse público (inclusive para intolerantes à lactose, à proteína do leite e do ovo), que antes encontravam dificuldades em acharem produtos, que não tivessem essas composições.

Envie seu comentário:

Você também pode gostar:



Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE